Sua maior e mais completa fonte sobre All Time Low no Brasil!
All Time Low fala sobre nova gravadora, novo álbum e sobre tocar no MTV Movie Awards, leia:

A banda All Time Low está na metade de sua turnê pela Oceania e o site The Speakeasy teve a chance de conversar com os caras sobre seu novo álbum e nova gravadora. Confira a entrevista feita por Yasmin Brown:

Yasmin: Então, parabéns por assinar com a Fueled By Ramen!
Todos: 
Obrigado!

Yasmin: Como vocês decidiram mudar?
Alex: 
Ah, nós sentimos que era a hora certa. Nós não tínhamos renovado o contrato com a Hopeless porque tínhamos coisas para terminar mas estávamos começando algo com a Fueled By Ramen e achamos que seria confuso anunciar logo de cara então, achamos melhor esperar e anunciar quando acabasse a divulgação do DVD e tal.

Rian: Mas foi tudo muito legal durante essa mudança. Estávamos trabalhando juntos… Nós, a Fueled e a Hopeless.
Alex: Sim, foi uma mudança suave.

Yasmin: Vocês já tinham decidido que iriam seguir esse novo som ou a mudança foi resultado de assinar com a Fueled?
Alex: Não, acho que já estávamos no caminho da mudança. A música que saiu do DVD, Take Cover, foi um sinal da nossa transição sabe?
Jack: É, nós tínhamos essa direção antes de assinarmos com a Fueled, tanto que Good Times e Last Young Renegade são músicas que tínhamos escrito antes mesmo de assinarmos.

Yasmin: Vocês lançaram três clipes em volumes, vocês farão isso com todas as músicas? Mal podemos esperar!
Jack: [risos] Provavelmente!
Alex: Vamos ver… Estamos no terceiro e há o quarto em caminho. É um disco com dez músicas, talvez possamos chegar até lá… Nunca fizemos algo do tipo, sabe? O que queremos fazer com o álbum é uma construção do mundo dele… Tem sido uma espécie muito legal e vamos ver para onde ele vai.

Yasmin: Pergunta para todos: Música preferida do álbum.
Rian: Ai, isso é difícil mas vou com Afterglow.
Jack: Acho que Good Times é minha preferida. É uma das melhores músicas que Alex já escreveu.
Alex: A minha é Life of the Party.
Zack: Gosto muito de Life of the Party também.

Yasmin: Vocês disseram na semana passada em uma entrevista que houve uma coisa de fã acontecendo com Tegan and Sara porque vocês são fãs delas e elas de vocês… Como é quando vocês descobrem que alguém que vocês são fã também é fã de vocês?
Rian: Assumimos que ninguém gosta da gente. [risos]
Alex: [risos] Para ser honesto, nunca foi assim, sério. Temos uma fã-base incrível, mas nunca senti que uma banda gostasse da gente, sabe? Então foi muito legal ouvir um grupo falar que realmente ama nosso trabalho e sentir que aquilo era realmente mútuo.
Yasmin : Mal posso esperar para ouvir essa colaboração.
Alex : Sim! É outra das minhas músicas favoritas no disco, na verdade. É uma música muito legal. É inspiradora e legal.

Yasmin: Alguém daqui já surtou por encontrar alguem?
Jack: Todos nós.
Yasmin: Não, eu digo ídolo que você conhece pessoalmente.
Jack: Qualquer ser humano!
Alex: Ele é instável, desculpa.
Zack: Acho que o Chris Pratt entrou na sala, Jack você pode…
Jack: EU VOU ME JOGAR DA VARANDA! Eu surto quando vejo o Chris Pratt.
Rian: Jack, mantenha a compostura.
Alex: Teve uma época que eu era vidrado na Imogen Heap e passei mal quando a vi no aeroporto.
Rian: Eu lembro! Você me mandou mensagens esquisitas.
Alex: Eu me comportei perto do Dave Grohl.
Jack: Mentira, foi difícil manter a calma perto dele.

Yasmin: Última pergunta: Vocês tocaram embaixo de uma chuva pesada no MTV Awards, essa foi a pior condição?
Alex: Foi!
Jack: Doeu.
Alex: Sim, tinha algumas pedras de gelo grande. E estava frio demais, teve uma hora que meus dedos congelaram e eu não conseguia mexer, sério. [risos]
Jack: Nossa, teve um festival também, estava zero graus. Era ao ar livre e não dava para sentir e ver nada. 
Alex: Jack, tomamos chuva de granizo na cara, esse foi pior, certeza.
Jack: É verdade.
Rian: A multidão foi incrível também, mesmo com aquele temporal eles ficaram lá.

Fonte | Tradução e adaptação: Equipe All Time Low Mídia – Não reproduzir sem os créditos.

Alex dá entrevista ao NZ Entertainment e fala sobre o novo álbum. Confira:

O All Time Low está começando a turnê pela Oceania antes de partirem para a turnê do novo álbum. O primeiro show da turnê foi em Auckland, no dia 10. Durante a passagem da banda por lá, Alex aproveitou para falar sobre o novo álbum – Last Young Renegade – para o NZ Entertainment e você pode conferir logo abaixo:

Wal Reid: Oi Alex, como tem sido para a banda ultimamente?
Alex: Tem sido ótimo, cara! Estamos tendo momentos emocionantes e tem sido bem agitado. 

Wal Reid: Conte-me sobre o novo álbum. Está orgulhoso dele?
Alex: A cada diz mais! Nós trabalhamos duro neste disco e colocamos várias coisas novas nele. Foi uma loucura fazê-lo e estamos animados para compartilhá-lo com os fãs. Espero que eles gostem tanto quanto nós.

Wal Reid: Tem alguma música desse álbum que é bastante pessoal para você?
Alex: Sim. Na verdade, quase todas. E acho que elas são um jeito de desabafar com o que tenho lidado nos últimos anos, com meus altos e baixos. 

Wal Reid: Alguma referência contra o Trump no álbum ou você realmente não se importa?
Alex: Nós todos nos importamos. Mas a banda nunca se inclinou sobre política. Sempre ficamos longe disso, nós tentamos não forçar nossas opiniões sobre ninguém, mas sempre há uma mensagem de esperança e compaixão em nossa música e é essa mensagem que sempre vamos passar.

Wal Reid: Vocês estão sempre fazendo turnê… Mas o que vocês costumam fazer quando não estão em turnê?
Alex: 
Hummm, estamos por todos os lugares. Zack mora no Havaí, Jack em Los Angeles, Rian em Nashville onde tem seu estúdio e eu divido meu tempo entre em Baltimore onde eu moro e Los Angeles onde eu trabalho.

Wal Reid: Fale sobre os videoclipes que saíram.
Alex: Por enquanto, são três, e iremos lançar em volumes até o lançamento do álbum. O primeiro foi Dirty Laundry que é o cargo chefe do álbum… Trata-se de lidar com essas lutas e sobre aceitar a si mesmo com seus altos e baixos. Em seguida veio Last Young Renegade que é um pedaço da cura. E o que acabou de sair que é Life Of The Party e é sobre emoções baratas.

Wal Reid: Há algum lugar que vocês ainda não tocaram e que vocês gostariam de ir?
Alex: Há tantos lugares… Adoraríamos ir para a África do Sul e Oriente Médio.

Fonte | Tradução e adaptação: Equipe All Time Low Mídia – Não reproduzir sem os créditos.

All Time Low participa da nova edição da revista STPG e concede entrevista.

O All Time Low está prestes a lançar seu sétimo álbum de estúdio, o Last Young Renegade, e acabamos de bater um papo com o vocalista da banda, Alex Gaskarth, confira:

STPG: Olá, Alex! Como vai? E como está indo a turnê no Reino Unido?
Alex: Oi, estou bem! A turnê está acabando. Amanhã é o último show, em Londres. 

STPG: Hoje cedo, você estavam na BBC Rádio 1 e amanhã você estará viajando para Londres para o último show. Como você lida com esse calendário tão louco. O que você faz para relaxar?
Alex: Ah, acho que apenas me acostumo e sigo conforme o ritmo pede. É isso… Você pode até estar cansado mas acaba esquecendo isso depois – porque vale a pena! – A recompensa é gratificante. 

STPG: Entendi! E você tem tempo de explorar a cidade?
Alex: Sim! Nem todos os dias, mas geralmente temos um pouco de tempo para explorar. Depois do show sempre saímos e exploramos um pouco, é muito divertido.

STPG: Você tem uma cidade favorita?
Alex: Há vários, mas com certeza é Osaka no Japão.

STPG: E no Reino Unido?
Alex: Acabamos de tocar em Cambridge e é uma cidade linda, mas Londres é minha preferida.

STPG: Você tem uma faixa favorita do álbum novo?
Alex:
 Sim! É realmente escolher, mas amo Dirty Laundry.

STPG: Como se sente ao saber que sua banda tem vários singles recebendo disco de ouro e platina por vendas?
Alex: É insano, especialmente porque muito deles são do nosso ‘catalogo’ novo. É incrível saber que há muitos fãs novos por aí comprando álbuns antigos também.

STPG: Há um show em particular que realmente se destaca para você?
Alex: Eu não sei… Há tantos na lista… Teve um que foi para a abertura de Green Day e foi incrível, mas a primeira vez que tocamos como banda principal na arena lotada foi surreal!

STPG: Vocês passam muito tempo juntos… Isso incomoda?
Alex: Para ser honesto, não incomoda. Somos irmãos, sabe? As vezes, há alguma briguinha mas é sobre coisas estúpidas e depois de minutos passa.

STPG: Qual é sua experiência de fã mais estranha?
Alex: Houve um tempo que alguns fãs iam na porta da minha casa… Era estranho, invasivo e inadequado. 

STPG: Hora de pergunta estranha… Num apocalipse zumbi, o que você faria?
Alex: Me esconderia na água ou tentaria pegar um barco para fugir, hahaha Zumbis não gostam de água.

STPG: Family Guy ou South Park?
Alex: South Park!

STPG: Qual conselho você daria para um aspirante a musico?
Alex: Seja verdadeiro consigo mesmo e faça o que acredita ser melhor para você.

STPG: Você tem algum processo quando se trata de escrever músicas?
Alex: Não… Depende do meu humor, sabe? Gostaria que tivesse algo especifico, mas não tem.

STPG: Você já escreveu músicas enquanto estava bêbado?
Alex: Sim, escrevi várias merdas hahaha

 

Confira a edição da revista abaixo:

 capa3capa4capa7capa8

All Time Low comparece aos estúdios da Billboard para uma transmissão ao vivo, confira os melhores momentos:

Na última sexta-feira (5), o All Time Low compareceu aos estúdios da Billboard para uma transmissão ao vivo com a Chelsea Briggs e foi uma entrevista bem descontraída onde eles falaram sobre o álbum novo e sobre suas respectivas infâncias. Confira as melhores partes logo abaixo.

Chelsea: Vocês estão bem animados para a hora que é. É muito cedo!
Jack: É, mas estamos acostumados com isso.
Alex: Sim, acabamos de voltar da costa leste e nos acostumamos.
Rian: É, a gente acordava super cedo, tipo, 6 horas da manhã.
Jack: Eu me sinto uma criança de 8 anos.

Chelsea: Gostaria de falar um pouco sobre o novo álbum de vocês. Ouvi dizer que ele é um pouco diferente dos outros, expliquem isso.
Alex: É verdade, no sentido sonoro ele está bem diferente porque nós experimentamos vários instrumentos que não usamos nos outros, mas liricamente continua sendo um som que nossos fãs gostam. 
Chelsea: Isso é interessante.
Alex: É sim… Sabe, quando se tem 10 anos ou mais de banda, você sempre se pergunta o que vem pela frente, o que você pode fazer para sair da sua zona de conforto e o que você pode fazer para manter-se atualizado e fazer essas coisas novas foi a parte mais divertida do álbum.
Chelsea: E foi tenso para vocês mostrar isso para os fãs?
Alex: Na primeira música foi muito tenso! Mas agora que mostramos algumas músicas, sabemos que eles irão gostar.
Rian: Mas a reação deles ao vivo foi incrível, sério!

Chelsea: E é verdade que o álbum tem um tema obscuro?
Alex: Sim, ele foi inspirado em um personagem em seu lado obscuro. Durante o álbum, veremos ele aceitando seu lado escuro, assim como seu lado bom também. E até o final do álbum, teremos ele se recuperando. O personagem passa por lugares obscuros, lugares onde nós todos já estivemos. Mas como eu disse, o álbum também é sobre a recuperação e de como sair disso. Na verdade, nós sempre falamos disso em todos os álbuns anteriores, só que agora é bem mais escancarado.
Chelsea: Entendi! E o legal de vocês é que vocês estão juntos há quase 15 anos.. Quando vocês pensam no primeiro álbum e agora… Quero dizer, se vocês pudessem descrever essa jornada em capítulos, como seria?
Jack: Nós não sabíamos o que estávamos fazendo nos primeiros doze anos…. risos Nós começamos tão jovens e passamos por várias fases difíceis. Mas posso dizer que sempre fomos verdadeiros com nós mesmos e com nossos fãs.

Chelsea: Como disseram antes, vocês estão juntos há quase 15 anos… Qual é o segredo para estarem juntos há tanto tempo? 
Rian: NUNCA VÁ DORMIR COM RAIVA!
Jack: NUNCA VÁ DORMIR COM FOME.
Chelsea: Mas isso é verdade? Vocês nunca dormiram bravos com alguém?
Rian: Não, sempre ficamos bravos um com os outros.
Alex: Nós sabemos como deixar uns aos outros bravos… Sabemos o que irrita e não irrita, então tentamos evitar fazer algo que deixe algum de nós bravos.
Jack: Mentira, não evitamos. 
Rian: É, mas sempre nos perdoamos. Somos irmãos. Tem dias que eu estou frustado com o Jack e…
Jack: Quando você não está!?
Chelsea: Perguntei isso porque várias bandas, que são colegas de vocês, já se separaram e tal.
Jack: É muito satisfatório saber disso…
Rian: Meu Deus!
Chelsea: Eu pensei que você ia dizer que era triste.
Rian: É ruim ver essas coisas acontecerem, sabe? Quase todas as bandas tiveram a mesma conduta que nós e passaram pelos mesmos problemas e tal… Acho que somos sortudos.

Chelsea: Agora teremos perguntas dos fãs… A fã quer saber qual é a melhor parte de entrar em turnê?
Rian: Dormir no bunk… Brincadeira!
Alex: É poder viajar o mundo inteiro, sabe? Quando eu tinha 9 anos eu não pensei que visitaria tantos lugares assim.
Jack: Explorar vários lugares e comer comidas estranhas.
Chelsea: Outra pergunta de fã… O que vocês gostariam de ser quando eram crianças?
Rian: Engenheiro elétrico!
Alex: Eu queria ser lixeiro, sério.
Jack: Eu queria ser uma estrela do rock.
Zack: Eu queria ser skatista profissional, mas a banda destruiu meus sonhos.

Chelsea: Qual conselho você daria para seu ‘eu’ mais novo? 
Alex: Eu diria para mim mesmo: “confie em suas ambições e confie mais em você mesmo”.
Jack: “Não vá dormir bravo com alguém”.
Chelsea: E um momento constrangedor no palco?
Alex: Eu rasguei a parte da frente da minha calça.
Jack: Eu tive uma “emergência” no meio do show e tive que sair para ir ao banheiro.
Rian: Eu comi algo estragado e vomitei. Acho que sai antes de acontecer, mas foi constrangedor.
Zack: Esqueceram de colocar as fitas de marcação e  eu caí do palco.
Alex: Isso sempre acontece, né? Eu cai uma vez em cima do Rian e da bateria porque esqueceram de colocar as fitas de marcação.
Jack: Eu nunca me canso de assistir os vídeos do Justin caindo do palco.
Alex: Acontece com todos nós, não se preocupe Justin.

 

E a última parte engraçada da transmissão foi quando o Rian disse que ia espirrar ao vivo e todo mundo se desesperou, veja:

All Time Low dá show no MTV Movie & TV Awards 2017.

Hoje, 07 de maio, a banda All Time Low deu um showzasso no pré-show da premiação da MTV. Os meninos surpreenderam ao cantarem músicas do “Future Hearts” como Something’s Gotta Give e “Missing You”, e músicas do novo álbum que estreia dia 02 de junho.

O show começou às 19h30 com “Weightless” e a agitou a galera que estava assistindo as performances. A segunda música foi “Dirty Laundry”, uma das novas músicas da All Time Low no novo álbum “Last Young Renegade”. Depois, ocorreu a apresentação de “Last Young Renegade”, “Missing You” e “Something’s Gotta Give” que foi a última música a ser tocada.

Confira alguns vídeos da performance que a All Time Low fez no pré-show da MTV Movie & TV Awards:

Devido a chuva, uma música foi cortada da setlist do show! Mas, mesmo com 5 músicas, a banda agitou o público e conquistou cada um que estava ali presente.

Alex e Jack se manifestaram no twitter após o show, confira abaixo:

“Não acho que já tivemos o prazer de tocar no granizo antes! Obrigado gente por ficar conosco e obrigado @MTV”


“EU ESTOU MUITO MOLHADO”

Vale lembrar que o álbum novo da All Time Low, “Last Young Renegade”, será lançado no dia 2 de junho.
Confira na nossa galeria, as fotos dos meninos no red carpet e performance da MTV Movie & TV Awards:

Página 5 de 44« Primeira...34567...102030...Última »