Hoje (24), saiu a nova edição da revista Kerrang! e eles fizeram uma matéria super legal com os meninos e decidimos traduzir para vocês.

Confira logo abaixo a tradução da pequena review que a jornalista da Kerrang fez:

U+2192.svg Quando a conta oficial do All Time Low tuitou que estariam fazendo um show especial em Londres não demorou para que nós aprontássemos algo. Tirando as pistas óbvias, tipo cobras penduradas do lado de fora do Bush Hall – local onde rolou o show secreto – as pessoas tinham dúvidas se era realmente o All Time Low que tocaria ali.

O alívio tomou conta de todos presentes quando montaram a mini loja onde venderiam milhares de camisetas com o logo da banda – a mesma que o vocalista da banda usava enquanto subia ao palco.

Eles abriram o ‘show secreto’ com Weightless e os fãs foram a loucura! O vocalista da banda, Alex, até se espantou e disse: “Put* merda! Eu esqueci o quão difícil era isso! Essa foi nossa maior pausa”, e o Jack disse: “Eu estou me dando bem” e o Alex retrucou com um: “Você é o pior de todos! Jack ficou andando pelas ruas pedindo coisas para fazer porque estava entediado”.

Tudo ficou ainda mais engraçado quando o Alex cantava Therapy. Na hora da frase: ‘You can choke on your misery’, Jack gritou lá do fundo: ‘Choke on you dick’. 

Seguindo para CanalsSomething’s Gotta Give deu para ver o quão evoluída a banda está no palco, mesmo de ficar um bom tempo sem tocar como eles mencionaram antes. Quando eles pararam para se apresentar depois de Cinderblock Garden, Jack disse: “Olá, somos os Young Renegades e estamos abrindo para a banda All Time Low!” e a platéia caiu no riso de novo. 

O repertório seguiu para Dirty Laundry, Take Cover, Let It Roll, The Beach, Stay Awake e terminou com Dear Maria, Count Me In.

Depois de 24 horas exatas, mais fãs esperavam a banda para o primeiro show da turnê no London’s Eventim Apollo – um pouco mais de 5 mil pessoas – e quase todos os fãs estavam vestindo as camisetas do Young Renegades.

O show teve a abertura liderada pela banda Waterparks, seguido pela banda SWMRS – infelizmente, um membro do Waterparks não pôde comparecer de último minuto por uma dor de garganta – mas o shows foram incríveis!

Passar 48 com eles foi incrível e eu mal posso esperar para fazer de novo.

 

Depois disso, ela fez uma mini-entrevista com o Alex Gaskarth, confira:

K!: Como foi o show secreto no Bush Hall, Alex?
Alex: Foi ótimo tocar naquele lugar para uma pequena multidão. Foi uma pequena multidão de fãs que fazem tudo por nós. Basicamente, era nossa fã-base do site oficial, então ficamos intimidados.

K!: E como foi o show no Eventim Apollo?
Alex: Incrível! É o maior local que iremos tocar nessa turnê. Ficamos nervosos, mas os ensaios nos ajudaram e nos preparou muito. Tudo deu certo.

K!: E como estão as comemorações depois do shows?
Alex: Alugamos um bar de esquina perto da nossa gravadora, então sempre que acaba o show vamos para lá!

 

Para ver as scans da revista, é só clicar nas imagens abaixo: